Casa é incendiada e criança de 5 anos morre em Sete Lagoas

Um homem, de 39 anos, é o principal suspeito de incendiar uma casa e matar a filha, de 5 anos, em Sete Lagoas, na região central do Estado, na tarde desta terça-feira (27). De acordo com a Polícia Militar (PM), o homem invadiu a casa da ex-mulher e ateou fogo no imóvel. A filha morreu queimada e o pai está internado no HPS João XXIII com 90% do corpo queimado. 
 
Segundo o boletim de ocorrência, populares que estavam no local disseram que o homem não aceitava o fim do relacionamento com a ex-mulher e teria ateado fogo na casa com a filha. A mãe da criança, de 34 anos, não estaria no local no momento do acidente. Em estado de choque, a mulher ainda não prestou depoimento à polícia.
 
De acordo com testemunhas, o relacionamento do casal teria terminado há dois meses. Acionados por vizinhos, o Corpo de Bombeiros informou que quando chegaram ao local o homem estava do lado de fora da casa e não souberam precisar se o mesmo havia saído por conta própria ou se alguém o havia retirado. A menina foi encontrada no interior da residência já carbonizada.
 
O helicóptero do Corpo de Bombeiros foi acionado para levar a vítima para o Hospital João XXIII, em Belo Horizonte, devido à gravidade das queimaduras. Segundo a PM, A.C.C.P. estava, com aproximadamente, 90% do corpo queimado e com diversas queimaduras nas vias aéreas. 
 
Aguarde mais informações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Falta de sinalização na MGC-455 é uma das principais causas de acidentes

No último dia de fevereiro, SINE de Ituiutaba oferece cinco vagas para vendedor