Para preservar o pé, o craque ficará de cadeira de rodas, como ocorreu no aeroporto do Galeão
Fonte: Claire Dornald Clauzel/AFP

Rodrigo Lasmar, médico da Seleção Brasileira e chefe do departamento médico do Atlético, afirmou nesta quinta-feira que o atacante Neymar está “triste e chateado” com a lesão. O atacante do PSG e da Seleção Brasileira passará por cirurgia neste sábado, no hospital Mater Dei, na avenida do Contorno, no Barro Preto, em Belo Horizonte. A informação foi adiantada pelo jornalista Jaeci Carvalho, do Estado de Minas.

O procedimento será realizado por Lasmar para corrigir a fratura no quinto metatarso do pé direito de Neymar, sofrida na partida contra o Olympique de Marselha, no domingo passado, pela 27ª rodada do Campeonato Francês.

Continua após a publicidade

Segundo o médico, o atleta deve se recuperar entre dois meses e meio e três meses.

“Ele sofreu uma fratura importante de um osso no meio do pé. A cirurgia vai ser realizada em Belo Horizonte, no Hospital Mater Dei, no sábado, no período da manhã, ainda não temos o horário certo, mas será neste dia”, disse o médico Rodrigo Lasmar, em entrevista à TV Globo.

“A recuperação gira em torno de dois meses e meio a três meses, depende muito da recuperação após a cirurgia. Depois do procedimento teremos mais detalhes, vamos conversar mais sobre isso”, acrescentou o médico.

Neymar vai perder praticamente o restante da temporada do PSG, inclusive o importante jogo contra o Real Madrid, pela volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, e dois amistosos da Seleção Brasileira antes da Copa do Mundo, contra Rússia e Alemanha, nos dias 23 e 27 de março.

O atacante ficaria à disposição para atuar em maio, a um mês do Mundial. A estreia da Seleção Brasileira será no dia 17 de junho, contra a Suíça, em Rostov.

“Neymar está triste, chateado, mas entende que não tem outra alternativa agora que não seja se recuperar e se dedicar à recuperação para que possa estar muito bem o quanto antes”, afirmou Lasmar, que projeta tempo suficiente para o atacante se preparar para a Copa do Mundo.

“Nós temos tempo para recuperá-lo, tudo vai ser feito para que ele esteja pronto o mais rápido possível, para que ele possa fazer uma preparação adequada para poder chegar bem à competição”, frisou o médico.

O atacante Neymar chegou nesta quinta-feira ao Brasil. Ele ficará no Rio de Janeiro e deve viajar para Belo Horizonte na sexta-feira ou no sábado. Para preservar o pé, o craque ficará de cadeira de rodas, como ocorreu no desembarque no aeroporto do Galeão.

Superesportes


Comments are closed.