O taxista Eduardo Fernandes Silva, de 40 anos, está preso na Central de Flagrantes do bairro Alípio de Melo, na região Noroeste de Belo Horizonte, acusado de estuprar uma passageira de 16 anos.

Segundo a PM, a vítima foi abordada pelo taxista por volta 21h30 desta quarta-feira (28), na avenida Abílio Machado, e combinou com ela uma corrida por R$ 10 para o Clube Sete, na avenida Heráclito Mourão de Miranda, no bairro Serrano, onde a menor disse que trabalha.

Segundo a adolescente, o taxista começou a elogiá-la, travou as portas do carro e a levou para um motel. No quarto, o taxista tentou manter relações com a menor, tentou tirar a blusa da vítima e abaixou as calças. Quando a menor ameaçou gritar, o taxista a levou ao clube onde ela diz trabalhar, pedindo que ela não contasse nada a ninguém.

Continua após a publicidade

A vítima chamou a polícia e o carro do taxista foi localizado na rua Pará de Minas, no bairro Padre Eustáquio, na região Noroeste. O homem foi preso em flagrante. O taxista admitiu para a PM ter levado a menor para o motel. Disse ainda ter feito o convite e ela permaneceu calada, que, por isso, achou que ela tinha concordado com o ato.


Comments are closed.