A chuva forte que atingiu Belo Horizonte, na manhã desta sexta-feira (2), deixou uma série de estragos na cidade. No bairro Gutierrez na região Oeste da cidade, um muro de contenção caiu e atingiu a garagem de um prédio na rua Moreira Cesar. A Defesa Civil está no local e avalia os danos.Na Vila São Paulo, muitas casas foram invadidas pela lama.

Já na avenida Silva Lobo, crianças ficaram ilhadas após alagamento. O motorista da van escolar contou que estava com três alunos de 3 a 10 anos na altura do Bairro Alto Barroca, quando a van morreu e a água começou a entrar no veículo. Duas viaturas do Corpo de Bombeiros prestaram socorro e retiraram as crianças sem ferimentos. De acordo com o motorista da van, o desespero durou cerca de 20 minutos. “A gente fica com medo de acontecer o pior”, relatou.

A avenida Tereza Cristina precisou ser fechada por cerca de uma hora porque o rio Arrudas transbordou. Na avenida Francisco Sá carros foram arrastados pela força da água.

Continua após a publicidade

Volume grande 

A regional Oeste já recebeu mais que 50% de toda a chuva esperada para o mês de março, somente nesta sexta-feira (2). De acordo com a Defesa Civil, na região Oeste choveram 94 milímetros e a média para o mês é de 163,5 milímetros. Na região foi onde houve mais problemas com alagamentos.

A previsão é que a chuva permaneça durante todo o fim de semana. O volume de chuva deve variar de 60 a 80 milímetros até domingo (4).
 


Comments are closed.