Uma idosa de 67 anos foi morta pelo marido na noite desta quarta-feira (7) na Vila Ideal em Ibirité, na região metropolitana de Belo Horizonte. O homem chegou bêbado em casa e começou a discutir com a vítima porque ela fez um orçamento de um muro e ele não gostou do preço. Depois disso ele deu quatro golpes de facão na cabeça da mulher, que morreu.

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito do crime foi encontrado pela polícia embaixo de uma árvore completamente embriagado. Ele confessou o crime  e contou que a briga começou porque ele não gostou do preço do orçamento do muro. Após o crime ele fugiu, mas foi agredido por populares.

O homem disse ainda que a vítima deu um soco no rosto dele e depois disso, ele pegou o facão e a matou. Maria Rita Bicudo Freitas chegou a ser atendida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Continua após a publicidade

O suspeito foi levado a um hospital da cidade para atendimento médico, já que ficou machucado da agressão de populares. Uma filha do casal esteve no hospital e contou que o pai ameaçava a mãe frequentemente. A Polícia Civil vai investigar o caso. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte.

Portal O Tempo – Cidades


Comments are closed.