A Prefeitura de Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, anunciou nesta quinta-feira (15) investimento de R$ 302 milhões na implantação da avenida Maracanã, na Regional Sede, que visa melhorar a mobilidade urbana do município. Os recursos são provenientes de um financiamento obtido pelo município com o Ministério das Cidades.

A avenida terá 4,5 km de extensão, entre a rua Albert Schwaitzer e a rodovia LMG–808, e vai reduzir o tráfego na área central da cidade, composta por vias estreitas, que não suportam o fluxo intenso de veículos atual. Após a conclusão da obra, a prefeitura estima que o tempo de deslocamento entre os bairros Nova Contagem e Eldorado será reduzido em 30 minutos.

O córrego Maracanã e o ribeirão Betim serão canalizados, e o plano é que a avenida tenha calçada, faixa de estacionamento, faixas de rolagem e ciclovia. Um parque linear também será construído ao longo da via, com arborização e espaço de recreação.

Continua após a publicidade

“É uma obra sonhada, pelo menos, nos últimos 30 anos. Ela atende três regiões importantes da cidade: a região Eldorado, a região Sede, que deixa de ter um impacto do trânsito pesado, e especialmente a região de Vargem das Flores e Nova Contagem, que fica mais próxima do centro histórico da cidade e do centro comercial”, disse o prefeito de Contagem, Alex de Freitas (PSDB), em evento que anunciou o investimento e contou com a participação do ministro das Cidades, Alexandre Baldy.

Segundo ele, a implantação da avenida também vai levar desenvolvimento para a cidade. “Diminui, por viagem, cerca de 30 minutos, é uma hora a menos por dia de deslocamento. Além disso, ela vai levar desenvolvimento para uma região que hoje convive com alagamentos, mau cheiro do esgoto que não é tratado, enfim, é uma obra que muda a cara da cidade”, completou o prefeito.

Prazos. A previsão é que as licitações sejam concluídas até outubro deste ano e que as obras sejam iniciadas em março de 2019, após o período chuvoso.

Conforme Freitas, a expectativa é que as intervenções durem entre dois anos e meio e três anos. “Queremos fazer o mais rapidamente possível, nossa equipe está muito entusiasmada”, afirmou.

 

Projetos do metrô serão avaliados

O ministro das Cidades, Alexandre Baldy, anunciou na quinta-feira a criação de um grupo executivo para avaliar os projetos de expansão do metrô em Contagem, na região metropolitana. A ideia é criar a estação Novo Eldorado e ampliar em 1,5 km na linha 1.

“A extensão do metrô, para o governo federal, é muito boa, porque vai agregar mais cidadãos e trabalhadores em toda a linha que já atende a região metropolitana”, afirmou o ministro. “Com investimento municipal e a garantia dos recursos federais, nós conseguiremos, com esse grupo executivo, de maneira célere, apreciar os projetos para tornar essa possível obra uma realidade”, completou Baldy. Ele garantiu que a União tem os recursos necessários para a obra.

Saiba mais

Recursos. De acordo com o prefeito Alex de Freitas, além do alinhamento das contas, a nova receita oriunda da cobrança do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) permite que a cidade “possa honrar seus compromissos futuros”, como o financiamento para a implantação da avenida Maracanã.


Comments are closed.