A partir desta sexta-feira (16), os moradores de Formiga, na região Centro-Oeste de Minas Gerais, que precisarem se consultar em Belo Horizonte ou acompanharem alguém que estiver internado em algum hospital da capital terá um lugar para descansar por um período ou até mesmo passar a noite. A partir das 10h, a Casa de Apoio ao Formiguense Antônio Cajuru, será inaugurada na rua Engenho Novo, 70, no bairro Pompeia, na região Leste da capital.

O imóvel de dez cômodos foi alugado pela Prefeitura de Formiga. Segundo o secretário de Desenvolvimento Humano, Jaderson Teixeira, 11 pessoas podem dormir na Casa. “Mas, em média, vamos receber, por dia, 50 formiguenses. Gente que não vai passar a noite, mas precisam de um momento de descanso, tomar banho, etc. Já está tudo equipado e preparado para recebe-los”, disse Teixeira.

A Casa de Apoio, que terá funcionamento ininterrupto, promete facilitar o acesso dos formiguenses à área hospitalar. “Ela possui condições necessárias para que possamos começar o trabalho de acolhida aos pacientes e a seus acompanhantes. Esse é um sonho de muitos formiguenses e um compromisso que firmamos com a população”, destacou o prefeito de Formiga, Eugênio Vilela.

Continua após a publicidade

Implantada pela Lei Municipal 3.808, de 20 de abril de 2006, e reestruturada pela Lei 5.165, de 24 de maio de 2017, a Casa de Apoio é um serviço de responsabilidade conjunta da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano, quanto à manutenção e coordenação, e da Secretaria Municipal de Saúde, no que se refere à triagem, orientação, encaminhamento e transporte dos pacientes.

Atenção. Segundo Vilela, quem quiser acomodar-se na Casa de Apoio, deve procurar a assistência social na Prefeitura de Formiga. “Os interessados passarão pela triagem na assistência social e, em seguida, serão liberados para frequentar a casa”, explicou. 


Comments are closed.