Um jovem de 22 anos matou o pai a pauladas na zona rual de Caraí, no Vale do Jequitinhonha, no final da noite de domingo (18). De acordo com informações da Polícia Civil, o jovem começou – sem motivo – a quebrar todos os móveis da casa, quando o pai, de 57 anos, chegou e tentou evitar maiores estragos.

Pai e filho começaram a brigar. O pai do jovem sacou um canivete para tentar amedrontá-lo, o que não ocorreu. Segundo a Polícia Civil, o autor do crime começou a golpeá-lo com pedaço de pau na entrada da casa. O homem de 57 anos morreu na hora. A casa deles ficou totalmente destruída.

O jovem de 22 anos disse à polícia que cometeu o crime, porque apanhava do pai. “Meu pai ficava me batendo eu acertei ele com pau. Ele já tentou matar minha mãe mais de mil vezes. Eu tentei me defender só”, disse o acusado de matar o pai.

Continua após a publicidade

Nervoso e aos prantos, o jovem afirmou que golpeou o pai com pedaço de madeira da cama. “Foi com um pedação de ripa de cama que bati nele. Só isso só, gente. Não tentei fazer nada de mal com ele. Eu ainda falei que não queria brigar com ninguém”, afirmou, enquanto era encaminhado à delegacia.

O autor do crime está preso em Novo Cruzeiro. O corpo do pai foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) de Teófilo Ottoni.

Fonte: O Tempo


Comments are closed.