Julio Cesar de Medeiros, de 53 anos, viajava com sua esposa – Foto: Reprodução / Facebook

Um turista brasileiro foi morto depois de ser atingido por uma bala perdida durante uma perseguição em Montevidéu, informou o Ministério do Interior do Uruguai nesta segunda-feira (19).

De acordo com o comunicado, Julio Cesar de Medeiros, de 53 anos, foi ferido na perna enquanto dois uruguaios, de 27 e 25 anos, trocavam tiros com agentes de segurança após tentarem roubar um caixa eletrônico.

Continua após a publicidade

“Tanto a arma encontrada na cena dos fatos, como a dos policiais atuantes, foram apreendidas e enviadas á Polícia Científica para serem periciadas e determinar efetivamente a procedência do projétil que feriu o turista brasileiro”, explicou o ministério.

Júlio César morava em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. Ele estava no país vizinho com a esposa a passeio, de acordo com uma prima da mulher.

Na noite de domingo (18) os dois bandidos pegaram um táxi após a tentativa de roubo, mas foram perseguidos por agentes de segurança. Após perceberem que estavam sendo seguidos, um dos bandidos tentou invadir um apartamento. “É nessas circunstâncias que teria ocorrido uma troca de tiros que atingiu um cidadão brasileiro que estava hospedado no condomínio por onde os delinquentes tentaram fugir”, acrescenta o texto.

Após ser atingida, a vítima, que visitava o país junto com sua esposa, foi hospitalizada, mas não resistiu aos ferimentos. Em nota, o Itamaraty afirmou estar acompanhando o caso para prestar toda assistência cabível aos familiares do brasileiro.

Informações de Agência Ansa Brasil


Comments are closed.