Homem é abordado em Canápolis com tatu pronto para consumo e autuado em R$ 10.404,48

Durante patrulhamento ambiental noturno na madrugada entre o último sábado, 17, e o domingo, 18, militares da 9° CIA PM ID MAT, lotados na cidade de Ituiutaba, realizaram patrulhamento na zona rural das cidades de Canápolis, Capinópolis e Centralina.

Durante o patrulhamento preventivo os policiais militares ambientais além do combate tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo, também realizaram a fiscalização de pesca predatória, caça ilegal e dentre outros crimes/infrações ambientais, o militares também orientaram as pessoas sobre dúvidas que tenham referente a atividades ligadas legislação ambiental.

Magazine Brasil Líbano Dia dos Pais

Além do combate e prevenção dos crimes ambientais e crimes comuns.

A Polícia Militar Ambiental como polícia ostensiva de preservação da ordem pública, leva segurança as pessoas que circulam na estradas vicinais da região.

CCAA Capinópolis

Foi abordado em uma estrada vicinal camionete F-1000, sendo realizada uma busca minuciosa no veículo, onde foi localizado na carroceria da veículo, um animal da fauna silvestre brasileira “tatu” abatido.

Foto: PM de Meio Ambiente

O animal estava embalado em uma sacola plástica, limpo, e sem as vísceras/cabeça, porém com todo restante do corpo, estando pronto para consumo, após o preparo.

Além do crime ambiental, é preocupante o risco de contrair doenças, consumindo animais silvestres.

Tal fato configura Crime Ambiental conforme prevê artigo 29 da Lei Federal 9605/98 ” Lei dos Crimes Ambientais”.

Foto: PM de Meio Ambiente

Como se trata de crime de menor potencial ofensivo foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência – TCO para o abordado de 51 anos para que compareça perante ao Juizado Especial Criminal.

Foi lavrada uma autuação administrativa no valor de R$ 10.404,48, referente a 3200 Unidade Fiscal do Estado de Minas Gerais – UFEMG.

A Polícia Militar de Meio Ambiente conta com apoio da população para que, quem tiver informação que esteja ocorrendo crime ambiental em sua localidade, que faça a denuncia de forma consciente e com maior número de detalhes no número 181 (ligação gratuita e anônima) assim o trabalho dos policiais militares ambientais pode ser mais efetivo.

Preservar o Meio Ambiente é dever de todos!

Alexandre Santos Gomes advogado em Capinópolis