Fábio Santos é um dos jogadores mais regulares do Atlético desde que chegou ao clube Fonte: Juarez Rodrigues/E.M/D.A.Press

Destaque da vitória do Atlético sobre a URT nesse domingo, Fábio Santos analisou o momento vivido por um outro rival na luta pelo título do Campeonato Mineiro. O lateral-esquerdo, que anotou o único gol no triunfo sobre o time de Patos de Minas, disse que ‘o Cruzeiro está um pouco à frente’ do time alvinegro.

“Acho que é notório que o Cruzeiro está um pouco na frente, pela questão da continuidade do trabalho do Mano (Menezes), que já vem com essa equipe há um ano e pouco, dois anos. E eu estou aqui há quase dois anos, vou completar no meio do ano os dois anos, e já estou no meu quarto ou quinto treinador. Essa mudança realmente dificulta bastante”, disse Fábio Santos em entrevista ao SporTV.

Continua após a publicidade

O lateral-esquerdo foi contratado pelo Atlético em junho de 2016. O jogo de estreia foi contra o Palmeiras, em 24 julho. À época, o técnico era Marcelo Oliveira. De lá para cá, comandaram o time alvinegro – de forma permanente ou interina – os seguintes treinadores: Diogo Giacomini, Roger Machado, Rogério Micale, Oswaldo de Oliveira e Thiago Larghi.

“Para você assimilar vários trabalhos é complicado. Quando você está começando a assimilar um trabalho, existe a mudança. Isso não é bom. O campeão da Copa do Brasil ano passado foi um treinador que está há mais tempo no cargo, o campeão brasileiro, que foi o Corinthians, também tem o (Fábio) Carille, que está há um pouco mais de tempo no cargo. Então não vejo o Cruzeiro mais forte, mas vejo a equipe do Cruzeiro, de repente, mais pronta que a nossa”, disse.

Atlético e Cruzeiro se enfrentaram apenas uma vez nesta temporada. A equipe alvinegra foi derrotada por 1 a 0, no Independência, em jogo válido pela fase classificatória do Campeonato Mineiro.

Os rivais podem volta a se encontrar na decisão do Estadual, nos dias 1º e 8 de abril. Para isso, o Atlético e Cruzeiro precisam eliminar, respectivamente, América e Tupi nas semifinais.

Evolução

Apesar de admitir a vantagem do rival neste momento da temporada, Fábio Santos garantiu que o Atlético tem evoluído desde que Thiago Larghi assumiu o comando, em 9 de fevereiro – um dia depois da demissão de Oswaldo de Oliveira. Foram dez jogos sob o comando do interino, com seis vitórias, um empate e três derrotas.

“O Thiago (Larghi) vem fazendo um trabalho muito bom. A gente tem notado essa evolução da equipe. De repente, não se demonstra em número. Mas nós, que estamos aqui dentro, notamos essa evolução. Tomara que possamos fazer com que as pessoas enxerguem isso dentro de campo também”, completou.

Superesportes


Comments are closed.