Dirigente americano alterou letras no escudo do Atlético e publicou imagem em rede social Fonte: Reprodução/Instagram

A derrota do América para o Atlético, nesta quinta-feira, foi polêmica além das quatro linhas. O resultado repercutiu, também, nas redes sociais. Além de reclamar com o árbitro Igor Junio Benevenuto na saída para os vestiários, Anderson Racilan, membro do Conselho de Administração americano, usou sua conta no Instagram para publicar sua indignação com a Federação Mineira de Futebol. O dirigente alviverde alterou o escudo do rival e substituiu as letras ‘CAM’ por ‘FMF’.

O América reclama, principalmente, de um gol anulado no primeiro tempo. Aos 41 minutos, o auxiliar Ricardo Junio de Souza assinalou impedimento de Aylon, depois que Norberto tenta completar cruzamento. As imagens da transmissão da partida foram inconclusivas sobre a marcação.

Continua após a publicidade

A direção alviverde ainda lembra dos lances em que a arbitragem confirmou um gol para o Atlético e anulou um do América, no clássico da fase de classificação. Na ocasião, o trio também era liderado por Igor Junio Benevenuto, que apitou a partida desta quinta, válida pela semifinal.

Superesportes


Comments are closed.