Uma mulher com sintomas de embriaguez bateu em um carro de um policial militar, na noite desta quinta-feira (23). O acidente aconteceu às 23h58 na rua Oscar Trompowis, no bairro Gutierrez, na região Oeste de Belo Horizonte. Depois de bater no carro do soldado o veículo capotou. A mulher estava com a carteira suspensa.

A suspeita, de 53 anos, perdeu o controle do veículo HB-20 dela e bateu na traseira de um Jeep Renegade que estava estacionado na rua, vindo a capotar o carro em seguida. O Jeep pertence a um soldado da PM, que acionou a corporação onde trabalha.

A mulher foi socorrida pelas pessoas que estavam no local. O SAMU foi acionado, mas não constatou ferimentos. Ela também dispensou atendimento médico.

Continua após a publicidade

De acordo com a PM, a suspeita estava com sintomas de embriaguez e com visível comprometimento das funções psicomotoras, com hálito etílico e olhos avermelhados. Ela negou o teste do bafômetro e foi levada presa para o Detran. Para a surpresa dos policiais, a carteira de habilitação dela estava suspensa.

A mulher admitiu que sabia que não podia estar dirigindo e a polícia fez dois autos de prisão em flagrante, um por ela dirigir embriagada e outro por dirigir com a carteira suspensa.


Comments are closed.