Bebês recém-nascidos estão sendo atacados por formigas há vários dias nas incubadoras dos berçários da maternidade Odete Valadares, em Belo Horizonte, de acordo com a Associação Sindical dos Trabalhadores em Hospitais de Minas Gerais (Asthemg).

“A enfermagem está desesperada, pois apesar dos cuidados diários na limpeza têm surgido dezenas de formigas caminhando sobre os recém-nascidos, nos materiais, tubos, equipamentos de soro e até mesmo nos rostos dos bebês”, diz a nota publicada pela Asthemg.

Um vídeo, feito dentro da maternidade enquanto um profissional realizava o procedimento para retirar as formigas, mostra a situação. 

Continua após a publicidade

A direção da Maternidade Odete Valadares disse está investigando a incidência de formigas no salão do CTI neonatal. De acordo com o hospital, o bebê mostrado no vídeo está bem, mas continua sob os cuidados médicos intensivos.

“Todas as providências foram adotadas, inclusive realizadas dedetizações no local, como também alterada toda a rotina de limpeza da unidade, do teto ao piso”, diz a direção em nota.

Segundo a maternidade, uma empresa de dedetização foi notificada e retornou à maternidade para nova aplicação de formicida mais potente. Também foi realizada uma desinfecção terminal no local do incidente, após o remanejamento para outros leitos de todos os bebês e da troca das incubadoras.

Em relação à possível existência de bactéria multirresistente (KPC) não houve nenhuma ocorrência confirmada pela direção. A Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) está acompanhando e monitorando os resultados.


Comments are closed.