A Polícia Civil (PC) informou, nesta segunda-feira (26), que prendeu Marcelo Cristian Batista de Souza, de 41 anos, que é apontado como uma das principais cabeças à frente do narcotráfico em Minas Gerais. Segundo a corporação, o traficante, que é mais conhecido como “Marcelão”, estava foragido desde 2016 e foi detido na última quinta-feira (22), no bairro Kennedy, em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Segundo a PC, “Marcelão” possui extensa ficha criminal, que inclui, além do tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e homicídios. Ele ainda é suspeito de ser o mentor do sequestro dos filhos do ex-prefeito de Guanambi (BA), em 2003.

Ainda segundo a corporação, “Marcelão” pode estar ligado ao ataque aos ônibus ocorrido na Avenida Carlos Luz, em Belo Horizonte, em 9 de março deste ano. À época, moradores da Vila Sumaré incendiaram dois coletivos para protestar contra a morte do jovem Marcos Vinícius Bambirra, de 22 anos, que teria sido alvejado por policiais com dois tiros nas costas.


Comments are closed.