As operações no mineroduto Minas-Rio, da Anglo American, foram suspensas pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) nessa quinta-feira (29) após um novo vazamento em Santo Antônio do Grama, na Zona da Mata, em Minas Gerais.

A operação na estrutura havia paralisada no dia 12 de março e retomada no dia 27, autorizada pelo órgão federal.

Uma equipe do Núcleo de Emergência Ambiental (NEA) da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) se deslocou para o local no início da manhã desta sexta-feira, 30, para para avaliar a situação e adotar as medidas ambientais cabíveis.

Continua após a publicidade

Foi a segunda vez neste mês que houve um rompimento em uma tubulação da mineradora Anglo American, em Santo Antônio do Grama, na Zona da Mata mineira, causando vazamento de polpa de minério de ferro no Ribeirão Santo Antônio.

Em nota, a Anglo American informou que o vazamento teve início às 19h dessa quinta-feira (29) e durou cerca de 5 minutos.

A empresa irá conceder uma coletiva sobre o caso na tarde desta sexta-feira (30) no Hotel Hilton, na região centro-sul de Belo Horizonte.


Comments are closed.