A polícia prendeu quatro suspeitos de assalto à um motorista da Uber, de 23 anos, na madrugada deste domingo (1) em Santa Luzia, região metropolitana de Belo Horizonte.

Eles fizeram o motorista de refém, com uma faca no pescoço, durante três horas e meia e levaram o carro, o celular e todo o dinheiro. A vítima teve escoriações leves.

Segundo a Polícia Militar (PM), três homens solicitaram uma corrida pelo aplicativo no bairro São Benedito e ao chegar no destino, no bairro Duquesa, anunciaram o assalto.

Continua após a publicidade

A vítima foi colocada no banco de trás e mantida como refém por cerca de três horas e meia até ser deixado no bairro Liberdade, segundo a PM.

Em depoimento, o motorista da Uber disse que os assaltantes pareciam bem apavorados. Ele foi encaminhado para a Upa São Benedito com um corte no pescoço e leves escoriações e foi liberado.

A Polícia chegou até um dos suspeitos a partir dos relatos da vítima e localizou o veículo roubado, um Pálio cor cinza da Fiat, em sua residência. O celular também foi recuperado.

Além dos três assaltantes, a PM também prendeu um outro suspeito que estava ajudando a esconder o veículo. Eles têm entre 17 e 26 anos.

O caso será investigado pela Polícia Civil e os suspeitos podem responder por  mediante sequestro.


Comments are closed.