Caminhões não passaram na vistoria do Detran-MG – Foto: Carolina Vilela / TV Vitoriosa / V9

Um levantamento feito pela Polícia Civil de Uberlândia mostra que de 2016 até março de 2018, 63 veículos foram apreendidos durante vistoria no Detran para transferência de documentação.

É o caso de dois caminhões apreendidos no último dia 28. Os novos proprietários estavam tentando transferir os veículos para Uberlândia após a compra e, para isso, é necessária a vistoria. Os vistoriadores constataram que os agregados, cabine, motor, número de vidro, eixo e outros estavam com adulteração na numeração, indicando origem duvidosa, o que podem indicar que tais peças poderiam ser produtos de crime.

Continua após a publicidade

Um dos caminhões, o Volvo, era de Tupaciguara e o comprador, um jovem de 26 anos, tentava transferência da documentação para Uberlândia. O veículo teria se envolvido em um acidente, e ficou com a cabine destruída. A PC tem imagens comprovando o fato. Por este motivo, a cabine foi inteiramente trocada e não corresponde ao veículo.

Helder Paulo Carneiro, delegado – Foto: Carolina Vilela / V9

No outro caso, o Mercedes Bens é da cidade de Cachoeira Alta-GO, e foi adquirido por um homem de 43 anos. Neste, diversas peças como plaquetas de motor, diferencial e cabine, apresentavam adulteração.

O caso foi encaminhado à Delegacia de furtos e roubos para apurar se os proprietários tinham ciência das adulterações, ou se foram vítimas. Eles podem responder por receptação e/ou adulteração de sinais identificadores de veículo. Em ambos os casos o chassi é original e apenas os agregados, peças avulsas, são adulteradas.

Durante coletiva com a imprensa na manhã desta segunda-feira, 2, o delegado Helder Paulo Carneiro fez um alerta à população para que, antes de comprar um veículo usado, façam uma vistoria em local autorizado para se certificar de que o mesmo esteja completamente regular.

Ainda de acordo com o delegado, este tipo de crime cresceu nos últimos anos. Nos três primeiros meses de 2018, 10 veículos já foram apreendidos por adulteração. O número representa mais da metade do registro de todo o ano de 2016, quando 14 automóveis foram apreendidos. Em 2017 foram 39 veículos nesta situação.


Comments are closed.