Três homens foram presos nesta terça-feira (3), em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, suspeitos de arrombar e cortar os fios do circuito de segurança de um condomínio, na região central. Eles não conseguiram entrar em nenhum apartamento, mas a polícia acredita que os três estejam envolvidos em diversos roubos na região, desde o ano passado.

Segundo informações de um morador que preferiu não se identificar, os homens teriam entrado no prédio pela primeira vez na quinta-feira passada (29), quando bateram nas portas oferecendo serviços aleatórios, mas não conseguiram entrar nos apartamentos e retornaram hoje. “Estava viajando no feriado e só fiquei sabendo da ação, mas hoje, chegando em casa para almoçar, uma vizinha mandou uma mensagem no grupo dos moradores do prédio alertando que haviam dois homens no interior do imóvel. Quando olhei pela janela vi um deles na garagem e já acionei a polícia”, revela.

O morador ressaltou que em menos de três minutos as viaturas chegaram e os três suspeitos foram abordados já do lado de fora do prédio, com o aparelho do circuito interno de segurança. “Amigos de outros bairros e de um prédio ao lado do meu passaram pela mesma situação recentemente e, através de imagens compartilhadas, consegui reconhecer um deles. A polícia foi muito eficaz, mas a sensação é de insegurança total. Eles estão agindo em plena luz do dia, sem pudor algum”, pontua.

Continua após a publicidade

De acordo com o sargento Willian Marques, do  33º Batalhão de Polícia Militar, os três indivíduos agiam de forma padrão e foram reconhecidos tanto por imagens de outros prédios quanto pelos próprios moradores. “Um dos suspeitos ficava esperando no carro enquanto os outros dois entravam nas residências para praticar os furtos. Analisando imagens de outras ocorrências creditamos que eles estejam envolvidos também em outros furtos em bairros como Jardim da Cidade e Espírito Santo”, diz.

O sargento ainda informou que os três suspeitos têm passagens pela polícia por furto, assalto a mão armada e tráfico de drogas, sendo que um deles estava sob condicional. “Vamos anexar todas as imagens que temos dos suspeitos em todas as ocorrências e encaminha-los à Delegacia Regional de Betim”.


Comments are closed.