15 presos tentam fugir da Nelson Hungria, mas são surpreendidos por agentes

Quinze detentos foram surpreendidos quando tentavam fugir do Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, na madrugada desta quarta-feira (4). De acordo com informações repassadas por agentes penitenciários, os detentos ocupavam a ala 6, do anexo 3 e apenas aguardavam o cair da madrugada para fugir.

Os agentes encontraram grades de celas cortadas, cordas feitas com lençóis e ganchos que seriam usados pelos presos para efetuar o plano de fuga.

Os detentos tiveram a fuga frustada e foram remanejados para outras alas do complexo penitenciário. Neste momento, agentes penitenciários do Comando de Operações Prisionais Especiais (COPE) estão na Nelson Hungria executando revista pente-fino para constatar se há outras grades serradas.

A tentativa de fuga desta madrugada acontece exatamente uma semana após os agentes penitenciários deterem. Um total 20 detentos do pavilhão três, que abriga exclusivamente criminosos ligados a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), enquanto tentavam escavar uma das celas que o levariam em direção a um dos muros da unidade prisional.

Junto com os bandidos, os agentes penitenciários encontraram serras que seria usadas pelos bandidos para cortar as grades das celas e seis teresas (espécie de corda feita com lençóis) que seriam usadas para os bandidos escalarem os muros da Nelson Hungria e fugirem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Idosos muito mais satisfeitos

Programa de rádio do dia 04/04/18