Governo de MG afirma surpresa com a greve dos agentes socioeducativos

Foto: Carolina Vilela / TV Vitoriosa / Portal V9

A nova deflagração da greve por parte dos agentes socioeducativos, inclusive em Uberlândia, no Ceseu, “surpreendeu o Governo de Minas”. A afirmação é do próprio governo, visto que as pendências relativas ao movimento paredista foram acordadas e seus prazos validados tanto pelo Governo quanto pelo sindicato que representa a categoria.

Segundo nota, em reunião realizada no dia 28 de março, na Cidade Administrativa, o Governo, representado pelas secretarias de Estado de Planejamento e Gestão e Administração Prisional, e o Sindicato dos Servidores Públicos do Sistema Socioeducativo de Minas Gerais (Sindsisemg) definiram algumas pendências relativas ao acordo de suspensão da greve da categoria, encerrada no mês de fevereiro.

No que diz respeito aos pagamentos atrasados, o Governo informou irá analisar e encaminhar a autorização do pagamento parcelado. A previsão é que os atrasados entrem na próxima folha de abril, paga no mês de maio. O Governo também se comprometeu a publicar a resolução que autoriza a emissão da carteira funcional até a terceira semana de abril, entregando os documentos até o dia 30 deste mês. Já o decreto que regulamenta a escala 24 horas de trabalho por 72 horas de descanso ainda não foi publicado. Até lá, os servidores devem organizar a jornada internamente.

Outra demanda da categoria foi atendida no dia 29 de março, quando o Executivo publicou, no Diário Oficial, resolução instituindo o auxílio-fardamento para os agentes socioeducativos.

Caso os servidores mantenham a paralisação, os pontos acordados na reunião do dia 28/03 poderão ser revistos pelo Governo de Minas.

Veja o movimento grevista do Ceseu, em Uberlândia

Funcionários do Ceseu deflagram greve por tempo indeterminado

Jovens internados no Ceseu causam tumulto no local e situação precisa de intervenção da PM

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pentacampeão, Sada Cruzeiro se prepara para a semifinal

Anglo é multada em R$ 125 milhões por vazamento de mineroduto