A Polícia Militar de Virgem da Lapa, no Vale do Jequitinhonha, procura pelos suspeitos da explosão de uma agência bancária do Bradesco, no centro da cidade, na madrugada deste domingo (8). A quantia roubada não foi informada.

De acordo com a corporação, cerca de cinco homens armados e encapuzados participaram do ataque, utilizando armas longas, como espingardas calibre 12, submetralhadoras e pistolas 9 mm. A explosão ocorreu por volta das 2h, quando uma festa ocorria próximo ao banco.

“A agência fica na praça central da cidade, onde estava ocorrendo um show. Quando eles chegaram, algumas pessoas saíram correndo, e outras foram rendidas pelos assaltantes, mas eles não usaram de violência”, afirmou o sargento Júnio Gonçalves. Segundo o policial, os suspeitos ainda deram tiros para o alto.

Continua após a publicidade

A corporação está realizando rastreamento na cidade em busca dos suspeitos. Até o momento, ninguém foi preso. “A gente acredita que essa quadrilha é a mesma que está agindo nas cidades pequenas, aproveitando do baixo efetivo militar”, disse o militar.

De acordo com ele, no momento do ataque, os policiais de Virgem da Lapa estavam na cidade de Pedra Azul, no Vale do Jequitinhonha, a cerca de 200 km de distância, para registrar outra ocorrência, devido ao plantão regionalizado. “A gente estava lá levando um preso, não tinha nenhum policiamento aqui na cidade”, afirmou.

Em fevereiro deste ano, outra agência bancária de Virgem da Lapa foi atacada por criminosos armados. Na ocasião, pessoas que passavam pelo local foram feitas reféns.


Comments are closed.