Ex-goleiro Bruno irá trabalhar no Corpo de Bombeiros

O órgão não informou qual será a função desempenhada pelo ex-atleta

O ex-goleiro Bruno Fernandes das Dores de Souza irá prestar serviços junto ao 9º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, em Varginha, no sul do Estado.

Bruno e outros quatro presos receberam a autorização da 1ª Vara de Criminal e Execução Penal de Varginha de Minas Gerais.

O Corpo de Bombeiros disse, em nota, que o trabalho é de extrema importância para a reeducação e ressocialização dos presos e trata-se de um instrumento de afirmação da dignidade humana.

O órgão não informou qual será a função desempenhada pelo ex-atleta na corporação.

Aulas para crianças

Em agosto de 2017, Bruno começou um trabalho como auxiliar em aulas de futebol para crianças e adolescentes em vulnerabilidade social no Núcleo de Capacitação para a Paz (Nucap) também em Varginha.

Retorno ao futebol

Alguns meses antes, no dia 10 de março de 2017, o goleiro Bruno foi anunciado como reforço do clube de futebol Boa Esporte. Cerca de um mês depois, ele retornou para a prisão e o contrato foi rescindido automaticamente.

Uma potência chamada Triângulo Mineiro

Em nova posição, Luan melhora números e ganha moral com Larghi: ‘Tem o perfil’