Um tiroteio em frente a uma boate na região da Pampulha terminou com uma mulher baleada na madrugada desta segunda-feira (30). 

De acordo com a Polícia Militar (PM), três pessoas foram presas pelo crime e uma arma de fogo apreendida. O crime ocorreu na avenida Dom Pedro I, por volta de 4h da madrugada.

A vítima entrava com o namorado em um carro para ir embora da boate quando foi atingida.

Continua após a publicidade

Ainda segundo a polícia, os suspeitos contaram que tiveram uma briga dentro da boate e que ao sair eles atiraram contra o desafeto que revidou.

Durante o tiroteio, uma mulher que entrava em um Fiat Punto foi atingida na perna e precisou ser socorrida para o Hospital Risoleta Neves, na região de Venda Nova.

As informações preliminares da PM dão conta que ela não tinha relação com a briga, no entanto, só as investigações da Polícia Civil poderão confirmar essa informação. O carro ficou com duas marcas de tiro. Os três suspeitos presos culparam um ao outro pelos disparos.

Arma para proteger família 

A arma era de um dos presos, de 23 anos, ele disse que possui o revólver para defender ele e sua família. Outros dois jovens de 18 e 19 anos também foram levados para a Central de Flagrantes (Ceflan) 1, onde a ocorrência foi encerrada.

A perícia da Polícia Civil esteve no local realizou os trabalhos no carro e liberou o veículo. A Polícia Civil vai investigar o caso.

A reportagem de O TEMPO tentou contato com a boate, mas sem sucesso


Comments are closed.