O telefone toca, do outro lado, uma voz desesperada pede socorro e dinheiro. Atordoada, a vítima não percebe que se trata de um golpe e passa informações ao criminoso, que geralmente, está em uma prisão.

Publicidade

O golpe do falso sequestro ganhou força nos últimos meses e muitas pessoas foram enganadas e tiveram prejuízos financeiros e emocionais.

O golpe mais utilizado ainda é a do falso sequestro, onde um criminoso diz ter sequestrado um familiar, filho ou filha, exigindo depósitos bancários e/ou recargas de celular. Ao fundo, uma pessoa grita e pede socorro, deixando a vítima que atende o telefone desorientada.

Em todos os casos, a própria vítima acaba “munindo” o criminoso com informações valiosas no decorrer da conversa.

 Segundo o comandante do 5º Pelotão PM de Capinópolis, Tenente Daniel Santos, essa prática criminosa é antiga.

Assista à reportagem sobre a capela construída no meio da mata há 63 anos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite o comentário
Por favor, digite seu nome