Sem nenhuma pista até agora, bombeiros resolveram encerrar as buscas ao francês Gilbert Eric Welterlin, de 54 anos, desaparecido no Pico dos Marins,  entre os municípios de Delfim Moreira, em Minas Gerais, e Piquete, em São Paulo.

O número de militares já está sendo reduzido, e o trabalho de procura terminará na próxima segunda-feira, dia 7, quando ficarão na região apenas alguns bombeiros para fins de observação à distância da área, sem adentrarem novamente as trilhas de acesso ao pico.

Mais de cem homens vinham trabalhando nas buscas, que contaram também com aeronaves, drones e cães farejadores. Ainda assim, não foi achado qualquer sinal do esportista, visto pela última vez no dia 15 de abril. 

Continua após a publicidade

Acostumado a disputar corridas em montanhas, ele deixou o carro na base da subida e partiu a pé com equipamentos mínimos de sobrevivência: uma jaqueta impermeável, um cobertor de emergência e uma “head-lamp” (dispositivo de luz na cabeça). Morador de Itajubá, no Sul de Minas, ele é casado com uma juíza do trabalho brasileira.


Comments are closed.