O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE-MG), convocou nesta quinta-feira (10), uma paralisação geral da rede estadual de educação para o dia 16 de maio, a partir das 9h, em frente ao Palácio da Liberdade.

Em comunicado oficial no site do sindicato, o órgão informa que os grevistas estarão protestando contra o parcelamento e o atraso nos salários.

O governo de Minas anunciou hoje o adiamento do salário dos servidores do Estado, cuja primeira parcela estava prevista inicialmente para o dia 16 de maio, mas foi adiada por suspeita de servidores que acumulam cargos de maneira irregular.

Continua após a publicidade

O governo não informou a data para a qual o pagamento foi adiado.

Ainda segundo o comunicado no site oficial do sindicato, o governo do Estado será notificado formalmente sobre a greve amanhã, sexta-feira.


Comments are closed.