Bandidos com máscara do pânico explodem agência bancária e fogem sem levar nada

Cinco pessoas destruíram uma agência do banco Bradesco na madrugada deste domingo (13) em São João do Oriente, no Vale do Aço em Minas Gerais.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o cofre não foi danificado e os bandidos fugiram sem levar nada.

Um motorista que passava pelo local levou um tiro de raspão no queixo após fugir de uma abordagem dos suspeitos. Ele foi levado para o centro de pronto atendimento do município.

Segundo uma testemunha, os autores estavam com o rosto totalmente encoberto e um deles utilizava uma máscara conhecida como “do pânico”.

No local foram apreendidas duas alavancas utilizadas no crime.

A reportagem de O TEMPO tentou entrar em contato com o banco Bradesco, mas até a publicação desta matéria ninguém nos atendeu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Dia das Mães será de tempo nublado na Grande BH

Ligado por testemunha à morte de Marielle já se vendeu como quase Nobel