Briga de família no Dia das Mães termina com um morto em BH

Uma discussão em pleno Dia das Mães terminou com Adilson Pereira da Silva, de 37 anos, espancado até a morte no bairro Novo Aarão Reis, região Norte de Belo Horizonte, na noite desse domingo (13). Um dos suspeitos do crime é o concunhado da vítima. 

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, familiares de Adilson contaram que ele estava em uma comemoração na casa da sogra quando, por motivo não esclarecido, se desentendeu com o concunhado. 

Publicidade

A polícia chegou a ser acionada, mas foi dispensada pela própria vítima. Horas depois, os militares foram acionados novamente pela companheira do homem. 

Ela contou que seis homens entraram na casa da família à procura do marido dela. Adilson se escondeu debaixo da cama, mas foi encontrado e agredido, provavelmente, com pedaços de pau ficando com o rosto totalmente desfigurado. 

Do grupo, a mulheres conseguiu identificar três agressores, entre eles um homem de 37 anos, que acabou preso.  Outros dois identificados pela dona de casa apenas não foram localizados.

A polícia não informou se o suspeito preso é o concunhado da vítima ou algum comparsa que participou do crime. Ele foi encaminhado à Central de Flagrantes 1 (Ceflan).

Publicidade

Baixe agora: Novo APP do Tudo Em Dia tem notificações, é mais rápido e ocupa pouco espaço

Publicidade

Comments are closed.