Acusados de matarem Kelly Cadamuro durante carona combinada pelo WhatsApp são julgados em Frutal

Kelly Cadamuro tinha 22 anos quando foi morta – Foto Álbum de Família / divulgação

Começou às 9h desta quarta-feira, 16, a audiência de instrução e julgamento dos três acusados de envolvimento no assassinato da jovem Kelly Cristina Cadamuro, de 22 anos. Os trâmites acontecem no Fórum da cidade de Frutal.

Publicidade

Preso em Frutal, Jonathan foi espancado por colegas de cela e precisou ser isolado – Foto de Arquivo

Os acusados são: Jonathan Pereira do Prado, 33 anos, réu confesso. Ele foi indiciado por latrocínio, estupro e ocultação de cadáver; e os acusados de receptação Wander Luís Cunha e Daniel Teodoro da Silva. Eles teriam comprado de Jonathan pneus e o aparelho de som roubados do carro de Kelly.

A audiência é presidida pelo juiz Luiz Gustavo Moreira sem previsão para terminar.

A acusação espera condenação em pena máxima.

O assassinato de Kelly Cadamuro

O crime aconteceu no dia 1º novembro de 2017. A estudante de radiologia Kelly Cadamuro foi morta depois de oferecer carona a um casal em um grupo de WhatsApp.

Ela seguia viagem de São José do Rio Preto (SP) com destino a Itapagipe (MG), para encontrar com o namorado, de 28 anos.

No ponto de encontro Jonathan Pereira disse que a namorada havia desistido da viagem e ele iria sozinho.

Imagens de uma praça de pedágio em Fronteira, no Triângulo Mineiro, mostram a jovem passando sentido SP – MG e logo depois o carro retornando sentido SP somente com o homem ao volante.

O veículo foi encontrado abandonado, sem as quatro rodas, o estepe e o rádio, em uma estrada rural em São José do Rio Preto-SP.

Jonathan confessou ter pedido a Kelly que parasse o carro para ele urinar, deu socos no rosto dela e a matou por asfixia.

O corpo de Kelly foi encontrado seminu em uma estrada de terra e com a cabeça dentro de um córrego, próximo ao KM 25 da rodovia MG-255, entre Itapagipe e Frutal-MG.

Leia também

MP denuncia acusado de matar radiologista que ofereceu carona pelo WhatsApp de SP a MG

Reconstituição mostra como homem matou garota que deu carona de São Paulo ao Triângulo

Publicidade

Baixe agora: Novo APP do Tudo Em Dia tem notificações, é mais rápido e ocupa pouco espaço

Publicidade

Comments are closed.