Uma denúncia mobilizou a 9ª Companhia de Polícia Militar de Meio Ambiente de Ituiutaba para atender uma denúncia de maus-tratos contra animais domésticos em uma residência no Bairro Progresso. O fato ocorreu na manhã de sábado (19).

No local, foram constatados 32 (trinta e dois) cães entre adultos e filhotes que  estavam aparentemente com sintomas de desnutrição, anemia, sarna, doença do carrapato, fatos que avaliados por médico veterinário, que diagnosticará a real situação dos animais.

No local onde os cães estavam sendo mantidos não tinha as mínimas condições de higiene, para o bem estar dos animais.

Continua após a publicidade

Depois de analisar o caso  foi constatado que os animais estavam em situação de maus-tratos.

 Ressalta-se que, no local mora um senhor de 50 anos de idade que pelo que foi apurado, aparentemente, tem alguma alteração de comportamento, fato este que será noticiado a quem é competente para auxiliar este senhor, caso seja necessário.

Apesar da  situação do suspeito, os animais não podem ficar expostos a condição degradante, e para o bem estar dos animais os mesmos foram apreendidos e retirados do local.

Ter um animal é uma opção da pessoa, porém cuidar é uma obrigação, e caso os animais venham a adoecer, seu tutor “dono” tem obrigação e a ação ou omissão contrária a este cuidado, configura crime.

Assim, caso a pessoa não tenha condições financeiras e psicológicas de manter e cuidar do seu animal, que procure ajuda de alguma forma, faça a divulgação do caso, porque o bem estar do animal deve ser respeitado, e o responsável por ele é seu tutor “dono”.

Sendo assim, os militares com apoio da Sociedade Protetora dos Animais de Ituiutaba – SPAI encaminharam os animais para um  abrigo e depois serão encaminhados para uma clínica veterinária onde serão avaliados, tratados e, posteriormente, destinados para adoção ou  um um lar temporário.

A Sociedade de Proteção Animal de Ituiutaba – Spai está trabalhando em conjunto com a Polícia Militar do Meio Ambiente sempre com foco no bem estar dos animais, e neste caso vai dar o encaminhamento necessário para os animais.

Diante dos fatos acima descritos foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência – TCO para suspeito, um senhor de 50 anos de idade, para que responda pelo  crime de Maus-tratos perante ao Juizado Especial Criminal por se tratar de crime de menor potencial ofensivo.

A Polícia Militar de Meio Ambiente conta com apoio da população para que, quem tiver informação que esteja ocorrendo crime ambiental em sua localidade, que faça a denúncia de forma consciente e com maior número de detalhes no número 181 (ligação gratuita e anônima) e no caso da cidade de Ituiutaba tem a disposição também o número 198, assim o trabalho dos pode ser mais efetivo.

Com informações da Polícia Militar de Meio Ambiente de Ituiutaba


Comments are closed.