Preços altos e salários sem reajuste fizeram os belo-horizontinos chegarem cedo ao posto Pica Pau, no Barro Preto, região central da capital mineira para aproveitar o litro da gasolina a R$ 2,28.

O desconto de 47,96% faz parte da ação da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL-BH) do Dia da Liberdade de Imposto (DLI) que reúne 800 estabelecimentos comerciais e  cerca de 650 mil itens com os impostos descontados na capital mineira.

“Estamos  uma situação crítica nesse país. Sou servidora pública estadual e tive que chegar duas horas da tarde de ontem (quarta-feira) para conseguir abastecer  meu carro. De outra forma não consigo” afirma Elisabethe Vaz de Andrade, 60, supervisora de uma escola estadual na capital mineira.

Continua após a publicidade

Ela era a segunda da fila para abastecer com o desconto. Foram distribuídas 120 senhas para automóveis e 65 para motocicletas na promoção. 

Uma manifestação de motoboys, motoristas de aplicativos e profissionais e caminhoneiros com cerca de cinquenta participantes, também esteve presente e usavam nariz de palhaço e tinham uma faixa que dizia “se somos palhaço não tem graça”.

“Sou motorista de aplicativo é com esse preço do combustível não está sendo possível rodar e pagar as contas. Temos colegas que estão se juntando para comprar cestas básicas para outros motoristas, essa que é a verdade” afirma Warley Leite, 36, um dos organizadores da manifestação. 

O presidente da CDL-BH, Bruno Falci afirma que a situação afeta consumidores e empresários. “Se ao menos parte do valor dos impostos fosse revertido para a população em forma de prestação de serviços públicos de qualidade não haveria problema mas infelizmente essa não é a realidade”, diz Falci.

Segundo o Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT), o brasileiro trabalha 153 dia por ano só para pagar impostos. Essa é uma das realidades que o dia da liberdade de impostos, ação promovida pela CDL – BH visa esclarecer para a população. Para mostrar essa realidade, a Câmara colocou 650 mil itens em promoção, com os impostos descontados, no dia de hoje.

Um condicionador de cabelo, por exemplo, de R$ 12,49, sai a R$ 6,62 sem impostos, que representam 46,99% do preço total. Um pacote de fraldas custaria R$ 15 se não incidisse 31,45% de tributos, levando o preço real para R$ 21,90. Uma lata de cerveja tem 40% do seu valor de impostos. sem eles, a lata que custa R$ 3,98, sairia a R$ 2,39.

Protestos

Os caminhoneiros estão realizando bloqueios nas rodovias contra o aumento dos preços dos combustíveis desde domingo (20).

Com as interdições, vários postos em todo país já estão desabastecidos e outros decidiram aumentar o valor do produto.

Um vídeo gravado nesta quarta-feira (23) mostrou um posto de combustível alterando o preço do litro da gasolina, que era de R$ 4,79 e passou para R$ 5,79.

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros (Abcam) informou na noite desta quarta-feira (23) que a manifestação dos motoristas continua mesmo após o anúncio da Petrobras de redução do preço do diesel em 10% e a manutenção desses preços por 15 dias.


Comments are closed.