Parece mesmo que “os ventos” que sopram lá da futura nova sede da Academia do Vôlei estão motivando e empurrando as equipes do Uberlândia/Gabarito para uma sequência de títulos e medalhas. No início de maio a equipe adulta do Uberlândia/Gabarito/Start Química venceu os JUMs, e agora veio a segunda medalha: Depois de ter sido campeão Mineiro, a equipe sub 19 que representou a escola José Ignácio disputou durante 8 dias na capital Goiana, a etapa nacional escolar que valia uma vaga para o mundial na República Tcheca.

Os Uberlandenses, comandados pelo técnico Anderson Pereira, venceram na chave Acre e Rio G. do Norte. Nas oitavas derrotou também por 2 sets a 0 a equipe da Bahia. Com o mesmo placar os heróis do triângulo passaram pelo Espírito Santo nas quartas.

Na semi, não conseguiram o mesmo feito diante dos gaúchos do Sinodal e perderam por 3 sets a 0. Na decisão do bronze só deu Uberlândia ou melhor Minas Gerais, derrotando nada mais nada menos que os paulistas por 3 sets a 1 e subindo no pódio buscando o bronze com gosto de ouro.

Continua após a publicidade

Pra quem acompanhou um pouco do vôlei masculino da Academia do Vôlei, esta equipe foi vítima da maior barbaridade existente no voleibol mineiro há cerca de 1 mês atrás. Tiraram o direito da escola José Ignácio (campeão de Uberlândia) seguir na disputa do Jemg 2018. Os garotos estão dando a volta por cima e voltam com uma honrada medalha de bronze na seletiva para uma competição mundial.

Academia do Volei


Comments are closed.