A partir da próxima segunda-feira, 4, os uniformes dos agentes de trânsito serão predominantemente nas cores amarelo e preto.

O objetivo é melhorar a identificação dos profissionais durante os trabalhos de fiscalização, orientação e de criar padronização dos uniformes utilizados pelos agentes lotados nas seções administrativas.
A antiga vestimenta, na cor azul claro, não oferecia condições técnicas de identificação adequada dos agentes de trânsito, que passaram a ser reconhecidos pela população durante ações operacionais de bloqueios, fiscalizações e trabalhos educativos.

De acordo com o secretário de Trânsito e Transportes, Gilson Lucas de Lima, os agentes receberam abono financeiro para aquisição dos novos uniformes. Segundo ele, a troca do uniforme azul para o amarelo observa critério adotado a partir da Emenda Constitucional nº 82, de julho de 2014, que disciplina regra à segurança viária no âmbito dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios.

Continua após a publicidade

O coordenador dos agentes de trânsito, Dener Lacerda Queiroz, ressaltou que a mudança de cor aumenta significativamente a segurança para os agentes, pois é mais fácil de visualizá-los. Para ele, o amarelo é chamativo e mais percebido pelos motoristas durante o trabalho de orientação e de fiscalização desenvolvido pelos agentes de trânsito.


Comments are closed.