Veja setores e programas que perderam recurso para bancar desconto do diesel

O governo parece não ter entendido a origem da maior greve das últimas décadas. O movimento dos caminhoneiros não tem liderança unificada, mas usou os grupos de WhatsApp como caminho para se disseminar e conquistar o apoio da população.

Para bancar o desconto de R$ 0,46 no litro do diesel, o governo cortou até da educação e da saúde, além de onerar os exportadores. Fizemos uma lista rápida dos principais programas que foram afetados pelo corte. Veja.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Numeração oficial para a Copa do Mundo Rússia 2018

Governo diz que rodovias federais não têm mais pontos de concentração de caminhoneiros