Prejuízo de empresas do transporte público de Uberlândia supera R$ 6,5 milhões

As três empresas de transporte público de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, já tiveram prejuízo de mais de R$ 6,5 milhões com ônibus incendiados neste ano na cidade.

As informações foram confirmadas pelo Sindicato de Empresas de Transporte de Passageiros do Triângulo Mineiro (Sindett) na tarde desta quinta-feira (7).

Segundo o sindicato, desde o último domingo, quando começou a série de ataques, cinco coletivos foram totalmente queimados. Os outros foram parcialmente danificados.

Ao todo, na cidade, foram atacados 13 coletivos, uma agência bancária e uma agência dos Correios, de acordo com a Polícia Civil.  

O sindicato ficou de divulgar ainda nesta quinta o número de ônibus queimados em abril. Diariamente, 400 coletivos rodam em Uberlândia. 

O último crime aconteceu na noite dessa quarta-feira (6) no bairro Patrimônio líquido,  quando quatro bandidos invadiram o veículo da linha A-119. Ninguém ficou ferido, e nenhum suspeito ainda foi localizado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

MP pede paralisação imediata de mineração que ameaça Serra do Curral

Linha 5201 terá novos pontos a partir da próxima segunda-feira (11)