O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG) convocou os servidores estaduais para fazerem uma paralisação total a partir desta segunda-feira (11) até que o governo pague a primeira parcela do salário, prevista para essa quarta-feira (13).

“O sindicato já fez a notificação da paralisação ao governo do Estado. A realização desta mobilização tem como objetivo pressionar o governo a mudar sua política de parcelamento dos salários e também para retornar o pagamento para o 5º dia útil”, diz o comunicado feito pelo Sind-UTE/MG.

O governo do Estado irá pagar a primeira parcela nessa quarta-feira (13) e as outras duas nos dias 25 e 29 de junho.

Continua após a publicidade

A Secretaria de Estado de Educação (SEE) informou que foi notificada pelo Sind-UTE/MG sobre a paralisação das atividades da categoria e que os critérios para pagamento dos salários permanecem os mesmos dos meses anteriores.

A SEE declarou que irá acompanhar a adesão das escolas estaduais ao movimento e ao final do dia irá emitir um balanço com o número de unidades que paralisaram as atividades.

Anastasia

O pré-candidato do PSDB ao governo de Minas Gerais, Antônio Anastasia, disse, em entrevista à rádio SUPER nessa segunda-feira (11), que seria leviano falar em restabelecer o pagamento no 5º dia. Segundo o senador, a medida dificilmente seria tomada no primeiro ano de mandato.


Comments are closed.