Os professores da educação infantil da rede pública de Belo Horizonte decidiram,  em assembleia, nesta quinta-feira (14), encerrar a greve da categoria, que durou cerca de 50 dias. A decisão foi tomada após reunião dos representantes da classe com o prefeito Alexandre Kalil na última quarta-feira (13).

“Em votação, a categoria encarou como positivas as propostas do Executivo, que, entre outros pontos, tratam da ascensão de 4 níveis imediatos (21,55% de aumento) e da redução da diferença entre o salário das carreiras do professor da Educação Infantil e do professor do Ensino Fundamental”, informou a prefeitura de Belo Horizonte por meio de nota. 

Sentados, enfileirados, pelo menos 500 professores participaram da votação em frente a Prefeitura de Belo Horizonte. Uma pista da Afonso Pena em frente a prefeitura ficou fechada. Agentes da Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) trabalham no local.


Comments are closed.