Um homem de 59 anos foi atacado por dois cães, um vira-lata e outro da raça pitbull, na tarde desta segunda-feira (18) em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com Jovelina Basilio, de 38 anos, o pai dela, Antônio Marçal, havia acabado de almoçar e estava caminhando de volta para o pequeno sítio onde trabalha, no bairro Vila Casa Branca. Quando ele começou a trabalhar roçando o mato da propriedade, foi atacado na perna pelo cão vira-lata. Em seguida, o pitbull mordeu o braço de Marçal e começou a arrastá-lo pelo matagal.

O outro cão se soltou e a vítima lutou contra o pitbull. “Meu pai não se lembra de muita coisa por causa do calor do momento, mas ele conta que gritou muito a ponto de um policial que estava passando de carro ouvir”, diz a filha.

Segundo ela, o militar parou o carro e desceu para ajudar. A filha da vítima conta que o militar fez um disparo de arma de fogo para cima, assustando os cães, que imediatamente soltaram Marçal. A Polícia Militar confirma que houve disparos e que logo depois da ação os cães correram para um matagal. “Se o policial não tivesse chegado, não sei o que teria acontecido”, diz Jovelina.

Continua após a publicidade

Funcionários do posto de saúde do bairro foram até o local e prestaram os primeiros socorros a Marçal. Logo depois, uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel (Samu) levou a vítima a Upa de Brumadinho.

Ele levou cerca de 30 pontos no braço e ainda teve vários ferimentos nas pernas.

 


Comments are closed.