Motorista atropela homem e foge após briga de trânsito em Juiz de Fora

Uma discussão no trânsito de Juiz de Fora, na Zona da Mata, terminou em agressão e atropelamento na noite deste domingo (17). Um homem de 34 anos foi preso por tentativa de homicídio, omissão de socorro e direção perigosa contra um outro motorista de 32 anos, com quem ele tinha se desentendido horas antes.

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito, de 34 anos jogou o seu carro, um Hyundai i30, contra o motorista de 32 anos, que dirigia uma Saveiro, e depois de atropelá-lo fugiu em alta velocidade, batendo em um Fox que estava estacionado e capotando.

Segundo o boletim de ocorrência, a briga começou na rotatória da avenida Rui Barbosa. O motorista da Hyndai i30 contou que o condutor da Saveiro não sinalizou com a seta uma conversão e os veículos quase colidiram. Esse condutor ainda teria o chamado de “filho da puta”. O motorista da Hyundai disse que ficou revoltado com a situação, desceu do carro e disse ao motorista da Saveiro que sua vontade era de “lhe dar um tiro na cara”.

Depois disso, os dois começaram a brigar. O motorista de 34 anos disse que o de 32 anos teve ajuda de outras pessoas para agredi-lo. Nesse momento ele entrou no carro e disse: “agora a minha arma é essa”, e atropelou o motorista de 32 anos, fugindo em seguida. A vítima foi socorrida para um hospital da região, atendida e liberada.

O homem  de 34 anos não apresentou Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) e teve a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida por crime de trânsito. Os dois motoristas fizeram o teste do etilômetro que não acusou embriaguez. Os dois motoristas receberam voz de prisão em flagrante delito e foram encaminhados para a Delegacia de Plantão de Polícia Civil de Juiz de Fora.

 

Bombeiros encontram corpos de vítimas mortas em acidente com helicóptero

Hospital referência no tratamento de câncer cria clínica popular no Barreiro