Dez pessoas foram detidas, na manhã desta terça-feira (19), suspeitas de terem assaltado e incendiado um ônibus na cidade de Timóteo, no Vale do Aço, neste domingo (17). Os suspeitos têm idades entre 16 e 29 anos e foram encontrados após trabalhos do  serviço de inteligência da Polícia Militar (PM).

Segundo a PM, um adolescente de 17 anos, que foi detido junto ao grupo, recebeu ordem de dentro do presídio de Caratinga para cometer o crime. O motivo seria visitas mais criteriosas nos familiares dos presos.

Os dez suspeitos detidos foram encontrados com uma garrafa de plástico contendo gasolina. A PM não detalhou quantos adolescentes e quantos adultos detidos. Os presos e os adolescentes apreendidos foram levados para a Delegacia de Polícia em Timóteo, que vai investigar o caso.

Continua após a publicidade

O incêndio ao ônibus ocorreu no domingo (17) quando um grupo armado encapuzado entrou no coletivo e renderam o motorista e o cobrador assaltando o ônibus. Após o roubo, eles mandaram os passageiros descerem.  Depois disso quebraram os vidros do ônibus e atearam fogo no veículo. Quando os militares chegaram ao local, o fogo já havia sido apagado pelo motorista do ônibus, que utilizou o extintor de incêndio.


Comments are closed.