A Polícia Militar prendeu, na tarde desta quarta-feira (27), um homem identificado como Ednaldo, de 25 anos, suspeito de ser o mandante da queima de um ônibus no bairro Céu Azul, na região de Venda Nova, em Belo Horizonte, nessa terça (26).

De acordo com a corporação, a prisão ocorreu durante a operação realizada no aglomerado Mães dos Pobres. Nessa terça, momentos depois da queima do coletivo da linha 615, que faz o itinerário Estação Pampulha / Céu Azul B, militares receberam informações que Ednaldo seria um dos chefes do tráfico de drogas na área e teria partido dele a ordem para a ação criminosa. No entanto, o motivo para o ato de vandalismo não teria sido esclarecido.

Já nessa quarta, durante rastreamento, policiais chegaram até uma casa em obras, onde foram localizadas duas barras de maconha. Em um imóvel vizinho foi encontrada uma pistola 765 e, em um lote próximo, mais 34 barras de maconha, totalizando aproximadamente 50 kg. A arma pode ter sido usada durante o ataqu dessa terça.

Continua após a publicidade

Ainda conforme a polícia, Ednaldo, que estaria trabalhando na obra da casa em que foi realizada a primeira abordagem, negou o crime. A ocorrência ainda está em andamento e outras buscas são realizadas na área.

O caso será encaminhado à Central de Flagrantes 4 (Ceflan).


Comments are closed.