A mineradora BHP Billiton anunciou nesta quinta-feira (28) que irá oferecer US$ 221 milhões (cerca de R$ 850 milhões) até 31 de dezembro de 2018 em suporte financeiro à Samarco e Fundação Renova, responsável para reconstrução das áreas afetadas pelo rompimento da barragem do Fundão, em Mariana.

Um montante de US$ 158 milhões será usado para financiar programas de remediação e compensação identificados em um acordo  em março de 2016 entre a Samarco, a Vale, a BHP Brasil e o Governo Federal, além dos Estados de Minas Gerais e Espírito Santo.

Segundo a empresa, “os recursos serão liberados para a Samarco apenas conforme necessário e sujeitos à realização de marcos importantes”.

Continua após a publicidade

Os US$ 53 milhões restantes serão disponibilizados à Samarco para realizar reparos em andamento, auxiliar na manutenção das instalações e apoiar o planejamento de reconstrução.


Comments are closed.