foto: Exame

O desafio diário em reduzir o consumo de água é uma prática que permeia o trabalho da Cervejaria Ambev em Minas Gerais. Com investimentos constantes em ferramentas, pesquisas e novos projetos, a unidade de Uberlândia se destacou em 2017 e conquistou um dos melhores índices de redução no consumo de água do país – 21,2%.

Além das boas práticas de rotina que já são adotadas dentro da unidade, um novo projeto de aproveitamento de efluente da cervejaria contribuiu para que o índice fosse tão positivo. Desde o ano passado, um efluente de água tratada pela Estação de Tratamento de Efluentes Industriais (ETEI) da Ambev passou a ser destinado à fertirrigação de uma fazenda agropecuária – Fazenda Jardim – que é vizinha à unidade. A área de 10 hectares recebe cerca de 30% do efluente tratado da cervejaria, equivalente a 600m³ de água por dia, e em breve passará a receber 100% dessa água.

O projeto recebeu um investimento de cerca de R$ 400 mil e foi premiado com segundo lugar no 2º Prêmio Boas Práticas Ambientais, realizado pela Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Minas Gerais (SISEMA). Através do projeto, a Ambev reduziu o volume de efluentes tratados lançados no Rio Araguari e ainda promove um ciclo sustentável, uma vez que a Fazenda deixa de captar água diretamente da natureza para irrigação do pasto que alimenta o gado. A água tratada melhora o índice de nutrição da terra, reduzindo a possibilidade de contaminação do lençol freático.

Continua após a publicidade

“Cuidar da água, nossa principal causa, é uma rotina e um compromisso que vai além de fazer cerveja. O engajamento e o trabalho em equipe são fundamentais para atingirmos índices cada vez melhores.” Afirma, afirma Camila Almeida, gerente de meio ambiente da Cervejaria Ambev em Uberlândia.


Comments are closed.