O motoboy Roger Miranda, de 29 anos, que foi baleado na porta da boate Jolie, no bairro Itapoã, na região da Pampulha, em Belo Horizonte, continua internado no Hospital Risoleta Tolentino Neves em estado grave. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da instituição nesta terça-feira (3).

De acordo com o hospital, o jovem, que comemorava o aniversário, segue no Centro de Terapia Intensiva (CTI) e ainda corre risco de morte. Além dele, apenas mais uma vítima está internada no local. Brenda Emanuela Arruda, de 24 anos, se recupera no quarto e o estado de saúde é considerado estável, sem risco de morte. O segurança Kelson Alex da Costa Santos, de 35, foi transferido para um hospital particular nessa segunda-feira (2). No momento da transferência, o estado de saúde dele também era considerado estável.

Outras dois homens baleados, Farley Lemos, de 29 anos, e Vinícius Ferraz, de 26, receberam alta médica ontem. O cabo da Polícia Militar, de 34, que também foi atingido segue internado no Hospital Militar. 

Continua após a publicidade

O caso 

Na madrugada desta segunda, Pedro Henrique Vítor Silva, de 20 anos, e mais três pessoas foram expulsos da boate por seguranças após uma confusão, por motivo ainda não esclarecido. Logo depois, o jovem retornou à porta da boate e disparou várias vezes. O cabo que estava na porta da casa noturna revidou, Pedro foi atingido e não resistiu aos ferimentos.

Nesse segunda, dois homens foram presos e um adolescente apreendido, segundo a Polícia Militar, por envolvimento no caso. O trio teria ido até o local do crime para buscar uma motocicleta deixada pelo atirador.  O veículo teria sido usado por Pedro para ir até em casa, no aglomerado Cabana do Pai Tomás, região Oeste de Belo Horizonte, para buscar a arma utilizada no crime. 

Por meio de nota, a boate Jolie afirmou que está à disposição da polícia para prestar esclarecimentos e que presta assistência às vítimas. Segundo a Prefeitura de Belo Horizonte, a casa noturna tem alvará de funcionamento válido até outubro de 2022. O Corpo de Bombeiros informou que todas as licenças para o funcionamento do espaço estão de acordo com as normas de segurança.


Comments are closed.