Um novo golpe que circula no WhatsApp j√° gerou mais de 31 mil ciberataques nesta ter√ßa-feira (10). Os criminosos se utilizam indevidamente da marca da companhia a√©rea GOL para oferecer duas passagens a√©reas gratuitas. Ao clicar, o usu√°rio acessa uma p√°gina na qual h√° uma pesquisa que precisa ser respondida antes do acesso √† ‚Äúpromo√ß√£o‚ÄĚ.

Ao longo do processo, a pessoa v√™ um contador que informa o n√ļmero de passagens que ainda est√£o dispon√≠veis e que vai decrescendo com o tempo para gerar uma sensa√ß√£o de urg√™ncia do preenchimento.

Independentemente das respostas, o usuário é direcionado para uma página na qual é incentivado a compartilhar com 30 amigos ou grupos do WhatsApp. O texto afirma que após o compartilhamento o usuário poderá resgatar as passagens, que serão enviadas por e-mail em até dois dias. Ao final, há ainda uma falsa seção de comentários com pessoas que teriam conseguido sacado o benefício.

Para não cair em ameaças como essa, a empresa de cibersegurança PSafe afirma que é preciso adotar medidas de segurança, como sempre checar se o link é verdadeiro ou não. O site da empresa (clique aqui para acessar) disponibiliza esse tipo de verificação.

Nota GOL

A GOL orienta seus clientes a n√£o clicarem em mensagens de origem duvidosa, fora do padr√£o, com erros de ortografia, ofertas de pr√™mios em milhas e, principalmente, pedindo a confirma√ß√£o de dados cadastrais. A companhia reitera que preza pela seguran√ßa da informa√ß√£o em todos os seus canais de relacionamento. A fonte original e confi√°vel √© o site da GOL. Em caso de d√ļvidas, o ideal √© procurar imediatamente a Central de Atendimento.


Aprenda como fazer uma 'Amoeba' caseira

Comments are closed.