Encontro

Aconteceu na manh√£ de quinta-feira, dia 23, na Escola Municipal ‚ÄėPresidente Tancredo de Almeida Neves‚Äô, um encontro com a participa√ß√£o da articuladora da BNCC regional, a analista educacional, Carla Parana√≠ba, respons√°vel pelos anos finais do ensino fundamental, Maria Bet√Ęnia ‚Äď respons√°vel pela sala de educa√ß√£o infantil, Lilyane Jacoub Melo – respons√°vel pela consulta p√ļblica, Ana Em√≠lia – respons√°vel pelos anos iniciais do Ensino Fundamental, com os especialistas da educa√ß√£o das escolas das redes municipal e estadual e a secret√°ria Iracilda Duarte. O Encontro se deu durante todo o dia, sendo formados tr√™s grupos, cada um com a participa√ß√£o de uma representante da SRE.

A abertura do evento se deu com as palavras da secretária de educação e cultura, Iracilda Duarte, que destacou a alegria por receber todos os especialistas e as representantes das SRE, desejando a todos uma ótima reunião de trabalho.

Logo em seguida, o prefeito Cleidimar Zanotto falou destacando a import√Ęncia do trabalho que √© desenvolvido em Capin√≥polis em prol da educa√ß√£o.

‚ÄúN√≥s temos uma educa√ß√£o de qualidade em Capin√≥polis, a equipe √© muito eficiente, mas eu percebo um pouco o afastamento da fam√≠lia, que precisa estar mais atenta ao dia-a-dia dentro da escola, acompanhando o desenvolvimento¬† dos filhos. Precisamos trabalhar mais no sentido de trazer a fam√≠lia para dentro da escola‚ÄĚ, disse o prefeito desejando a todos uma √≥tima reuni√£o de trabalho.

Iracilda fala sobre o encontro que discutiu a BNCC em Capinópolis

Iracilda fala sobre o encontro que discutiu a BNCC em Capinópolis

A secret√°ria de educa√ß√£o e cultura de Capin√≥polis, Iracilda Duarte, abriu o encontro em Capin√≥polis com as representantes da SRE ‚Äď Superintend√™ncia Regional de Ensino sobre poss√≠veis mudan√ßas dos curr√≠culos das escolas mineiras devido √† implanta√ß√£o da BNCC.

‚ÄúHoje, n√≥s vamos falar sobre as poss√≠veis mudan√ßas dos curr√≠culos devido a implanta√ß√£o da BNCC- Base Nacional Comum Curricular. Esta √© uma oportunidade da participa√ß√£o dos professores, dos especialistas, diretores, para que realmente, quando ela vier a acontecer n√£o ter reclama√ß√Ķes ou falar assim: N√≥s fizemos parte desta mudan√ßa. Porque muitas vezes as coisas chegam goela abaixo e a gente tem que fazer como chegam para n√≥s e gra√ßas √† Deus est√£o tendo uma vis√£o mais aberta de estar sendo discutida para ser implantada, para ser aprovada, e isso nos deixa muito feliz e eu acredito que o profissional trabalha com mais seguran√ßa‚ÄĚ.

Pergunta: Hoje é só com os especialistas?

Iracilda Pereira Duarte:¬†Sim. A equipe da superintend√™ncia regional e no dia 31, no Sal√£o de Eventos ‚ÄėJo√£o Felippe‚Äô haver√° uma grande discuss√£o para a gente possa estar fechando esse assunto.

Pergunta:¬†Na sua vis√£o, qual a import√Ęncia da BNCC para a educa√ß√£o?

Iracilda: Depende de como ela está sendo implantada, mas eu acredito que quem está na frente dessas mudanças está buscando o melhor para os alunos. A gente vai conhecendo o passo a passo. Hoje, por exemplo, é uma oportunidade e a gente acredita que tudo que vem para a educação é bem vindo e as mudanças têm que ser aceitas, porque é para o bem do nosso aluno, a gente acredita que seja.

O que é a BNCC?

A Base Nacional Comum Curricular (BNCC) √© um documento de car√°ter normativo que define o conjunto org√Ęnico e progressivo de aprendizagens essenciais que todos os alunos devem desenvolver ao longo das etapas e modalidades da Educa√ß√£o B√°sica.

Conforme definido na Lei de Diretrizes e Bases da Educa√ß√£o Nacional (LDB, Lei n¬ļ 9.394/1996), a Base deve nortear os curr√≠culos dos sistemas e redes de ensino das Unidades Federativas, como tamb√©m as propostas pedag√≥gicas de todas as escolas p√ļblicas e privadas de Educa√ß√£o Infantil, Ensino Fundamental e Ensino M√©dio, em todo o Brasil.

A Base estabelece conhecimentos, competências e habilidades que se espera que todos os estudantes desenvolvam ao longo da escolaridade básica. Orientada pelos princípios éticos, políticos e estéticos traçados pelas Diretrizes Curriculares Nacionais da Educação Básica, a Base soma-se aos propósitos que direcionam a educação brasileira para a formação humana integral e para a construção de uma sociedade justa, democrática e inclusiva.


Aprenda como fazer uma 'Amoeba' caseira

Comments are closed.