Alunos da Escola Sérgio de Freitas Pacheco fazem da 1ª Feira de Ciências um sucesso

A primeira Feira de Ciências deve abrir caminho para novas edições
A primeira Feira de Ciências deve abrir caminho para novas edições

A 1ª Feira de Ciências da Escola Sérgio de Freitas — em Capinópolis— superou expectativas dos idealizadores graças ao empenho de centenas de alunos e apoiadores.

A Escola a 1ª edição da Feira de Ciências intitulada “Você Cientista” na última sexta-feira (7) de dezembro. A quadra poliesportiva da escola ficou lotada de alunos ansiosos para exibirem seus projetos científicos.

Os projetos foram desenvolvidos em duas categorias: Incentivo a Pesquisa e Inovação Tecnológica pelos alunos de Ensino Fundamental e Ensino Médio. Com premiações de 1º ao 3º lugar em cada categoria.

“A Feira de Ciências é uma ocasião importante para o aluno mostrar os conhecimentos adquiridos ao longo do ano, como também despertar o desejo do aluno pela pesquisa, pelo conhecimento, pela ciência. Todas as ações tiveram o intuito de promover a integração entre alunos, escola e comunidade escolar”, disse supervisora do colégio Sérgio de Freitas Pacheco, Juliene Francisca.

Algumas experiências buscaram obter soluções criativas e eficientes para problemas existentes na sociedade e outras retrataram a importância das ações e reações da biologia, da geografia, da física e química.

Os alunos entenderam o objetivo do projeto e desenvolveram trabalhos grandiosos, superando as expectativas para o evento.

A visitação foi aberta ao público. Durante todo o evento os alunos demonstraram empenho e dedicação, comprovando o sucesso da Feira de Ciências e motivando a instituição escolar a realizar as novas edições.

De acordo com a vice-diretora Gislaine Dionizio Moreira, o professor deve ser apenas um mediador na busca dos resultados dos alunos. “É importante deixar o aluno como protagonista no processo educativo tendo o professor como mediador. Incentivando sempre a pesquisa, pois assim obteremos o avanço tão esperado na qualidade da educação”, salientou Gislaine.

A cantora Leidmila Acústico se apresentou e cantou sucessos atuais antes da premiação.

Vencedores da Categoria ‘Incentivo à Pesquisa’

  • 1º Lugar: Sarah Nogueira Silva, Tailene Dantas de Faria Silva — 1º ano ‘A’;
  • 2º Lugar: Leandro Rodrigues Silveira e Marcos Vinícius de Freitas — 8º ano ‘B’;
  • 3º Lugar: Larissa Guedes Araújo e Hélen Ribeiro de Camargos — 3º ano ‘A’.

Vencedores da Categoria ‘Inovação Tecnológica’

  • 1º Lugar: Gabriel Venâncio dos Santos e Pablo Henrique Gonçalves — 2º ano ‘A’;
  • 2º Lugar: Giovana Gonçalves e Maria Vitória Mendes Almeida — 1º ano ‘A’;
  • 3º Lugar: Mateus Félix de Rezende e Vinícius Silvério da Silva — 3º ano ‘C’.

Diante de grandes desafios, a Escola Sérgio de Freitas Pacheco deu início à uma guinada no relacionamento com os alunos. Recentemente, a primeira edição do ‘Café Poético’ foi realizada e levou a magia da leitura aos estudantes.

“Agrademos a todos que colaboraram para a realização do evento: A cantora Leidmila Acústico; Aos avaliadores que doaram seu tempo, disposição e conhecimento: Luiz Carlos de Oliveira; Tobias Rosa; Maria Aparecida Flabes Gaião; Tássia de Souza Gonçalves; Paulo Henrique Fontoura Júnior  e  José Luiz F. de Resende. Aos patrocinadores: Usina CRV Industrial; Posto Guerra, Posto Transcap, Alexandre Santos Gomes – Advogado, Lojas Arco-íris, Casa do Frango, Protec, Construcenter Garcia, Posto 3. Vereadores: Ivo, Cido, Gilvan Gama, Cabral, Joãozinho, Luciano, Neide, Sueli, Daniel e Caetano, aproveitamos a oportunidade para agradecer o Prefeito Cleidimar e o Vice-prefeito Jailson pelo apoio.  Agradecemos aos alunos, professores e comissão organizadora pelo sucesso da Feira de Ciências”, pontuou Juliene Francisca.

Confira alguns registros do evento:

Envolvidos foram presos pela PM logo em seguida

Testemunhas que não socorreram taxista agredido em Uberlândia podem responder por omissão

Agressores de taxista responderão processo presos em Uberlândia