Cerca de 25 criminosos levam terror durante assalto em Uberaba

Agências do Branco do Brasil e Itaú foram os alvos principais dos bandidos. A Polícia utilizar um helicóptero na tentativa de prender os bandidos

Agência do Branco do Brasil foi o alvo principal dos bandidos
Agências do Branco do Brasil e Itaú foram os alvos principais dos bandidos

Atualização às 09h40 de 27 de junho. A PM retificou a informação sobre a morte de uma mulher que foi atingida por uma bala perdida. Segundo a PM, a vítima está em estado gravíssimo.

Uberaba, no Triângulo Mineiro, foi vítima de criminosos fortemente armados na madrugada desta quinta-feira (27). Uma agência do Banco do Brasil e uma do Itaú eram os alvos principais dos bandidos. A ação criminosa —que envolveu cerca de 25 bandidos fortemente armados— ocorreu por volta das 04h30.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra um refém amarrado no para-brisas de um veículo.

A Polícia Militar (PM) de Uberaba agiu rapidamente, havendo intensa troca de tiros. O tiroteio durou cerca de 40 minutos.

Uma mulher foi atingida por uma bala perdida e está em estado gravíssimo. Outras duas pessoas ficaram feridas durante a ação e foram encaminhadas ao Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (HC-UFTM). A informação foi retificada pela PM.

Um caminhão foi abordado pelos bandidos e o motorista e filho foram feitos reféns. A PM cercou os bandidos em uma estrada rural entre o Município de Uberaba e Araxá.

PRISÕES

Após negociação e libertação dos reféns, dez foram presos e uma grande quantidade de armas e munições foram apreendidas.

Criminosos foram presos após negociação (Foto: PMMG/Divulgação)
Criminosos foram presos após negociação (Foto: PMMG/Divulgação)

Trabalhador fica ferido após queda de eucalipto no norte de Minas

Vereador Cabral cobra instalação de casa de apoio ao feirante em Capinópolis