PL aprovado oficializa personagens como ’embaixadores da cultura’ em Canápolis

Após a sanção da lei, Patrimoninho e Culturinha serão designados os embaixadores culturais de eventos em Canápolis, no Triângulo Mineiro

Alessandra Pidruca, Patrimoninho, Culturinha e José Fernandes de Morais (Foto: Divulgação/Casa de Cultura)
Alessandra Pidruca, Patrimoninho, Culturinha e José Fernandes de Morais (Foto: Divulgação/Casa de Cultura)

Um Projeto de Lei aprovado na Câmara Municipal de Canápolis na última segunda-feira (19) de agosto, animou os entusiastas da cultura no município. Os personagens Patrimoninho e culturinha se tornarão ’embaixadores da cultura’ da comunidade canapolina.

“Um dilema rondava as mentes dos integrantes da equipe da Casa de Cultura de Canápolis no início de 2019. Como cativar o interesse da população para os diversos eventos culturais promovidos pelo órgão na cidade? E em especial: como atrair a atenção das crianças e jovens, que serão os portadores e os depositários da cultura local no futuro, encarregados de valorizá-la e transmiti-la posteriormente a seus filhos e netos?”, disse a coordenadora da Casa de Cultura, Professora Alessandra Pidruca.

Diante do dilema, surgiu a ideia de se criar um casal de personagens que gerasse identificação com crianças e jovens e significassem, uma vez conhecidos, a celebração de algum evento cultural. Segundo a coordenadora, os personagens teriam que se assemelhar a crianças, mas não ser extremamente caricatos. ‘Nasceram’ então, Patrimoninho e Culturinha.

Por iniciativa do vereador José Fernandes de Morais, que apresentou o Projeto de Lei 18/2019, Patrimoninho e Culturinha se tornarão oficialmente — a partir da sanção da Lei — Embaixadores Mirins dos Bens Patrimoniais culturais do Município de Canápolis – MG. Os personagens tornar-se-ão, inclusive, parte integrante do patrimônio cultural do município.

O projeto de lei foi aprovado pela Câmara Municipal por unanimidade.

Os personagens farão parte integrante dos eventos culturais, representarão o município regionalmente no tocante aos temas culturais e patrimoniais. Patrimoninho e Culturinha serão divulgadores de iniciativas e consciência cultural de preservação junto aos cidadãos e especialmente aos estudantes da rede municipal e estadual. As iniciativas da Casa de Cultura e demais órgãos, também contarão com a participação dos embaixadores.

Equipe da Casa de Cultura acompanhou a votação do projeto de lei (Foto: Casa de Cultura)
Equipe da Casa de Cultura acompanhou a votação do projeto de lei (Foto: Casa de Cultura)

A agenda será extensa durante todo o ano e requererá dos servidores que “emprestam” seus biótipos aos personagens uma elaborada coreografia e muita disposição para encarar a maratona que está por vir.

Alessandra Pidruca acrescenta que as crianças se identificam com os personagens.

“É impressionante a identificação que Patrimoninho e Culturinha já têm, especialmente com as crianças da rede municipal de ensino. É uma longa fila para tirar fotos, interagir e ficar próximos dos personagens. Queremos aproveitar essa popularidade para intensificar a difusão do conceito de preservação patrimonial material e imaterial de Canápolis junto aos estudantes e suas famílias, capitalizando o que for possível para reforçar cada vez mais a identidade local e suas manifestações culturais. Com isso fortalecemos a participação popular e damos um passo adiante na missão intrínseca da Casa de Cultura”.

Dessa forma, nasce mais uma iniciativa voltada aos interesses da cultura e patrimônio do município de Canápolis.

As ações culturais proporcionam o estreitamento de laços da população de Canápolis para suas raízes e sua história.

Alessandra Pidruca na sessão ordinária da Câmara (Foto: Casa de Cultura)
Alessandra Pidruca na sessão ordinária da Câmara (Foto: Casa de Cultura)

PROJETO DE LEI N° 18/2019

Dispõe sobre a oficialização dos personagens “Patrimoninho” e “Culturinha” como Embaixadores Mirins dos Bens Patrimoniais Culturais do Município de Canápolis-MG.

A Câmara Municipal de Canápolis, Estado de Minas Gerais, aprova e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1°. Ficam oficialmente reconhecidos como Embaixadores Mirins dos Bens Patrimoniais Culturais do município de Canápolis-MG, os personagens “Patrimoninho” e “Culturinha”.

Art. 2°. Os personagens “Patrimoninho” e “Culturinha” passam a ser parte integrante do Patrimônio Cultural do Município de Canápolis-MG.

Art. 3. A presente Lei entrará em vigor a partir da data de sua publicação.

Canápolis-MG, 05 de agosto de 2019.

José Fernandes de Morais

Vereador

PC realiza operação no Triângulo e cumpre mandados por roubo

Países usam incêndios para tentar prejudicar o Brasil, diz Bolsonaro